Ó PESSOAL...

...Visitem-se uns aos outros...cliquem nos cartões e conheçam os outros sócios.
Não deixem também de ver as publicações anteriores. Há sempre coisas interessantes que por vezes nos passam ao lado...

LEIAM E ENTENDAM!

Pedido de ajuda - Casa de Santa Isabel

A Quinta do Formigo em São Romão, um local de grande harmonia natural, onde se encontra a Casa de Santa Isabel (uma comunidade terapêutica para crianças, adolescentes e adultos com necessidades especiais) está neste momento a correr o risco de desaparecer. Isto porque as Estradas de Portugal e a Câmara Municipal de Seia pretendem criar um troço de ligação entre Seia e a Serra da Estrela que separará as diversas residenciais da Casa de Santa Isabel, além de acabar com o belo espaço que a natureza dá naquele local.
Assim, venho por este meio pedir-vos que assinem a petição contra esta obra, para o bem das pessoas da Casa de Santa Isabel e do povo de São Romão. Para isso basta acederem ao seguinte site:
http://www.petitiononline.com/formigo/petition.html,
http://www.casa-santa-isabel.org/

Obrigado
Metamorfosesvividas.blogspot

segunda-feira, 26 de outubro de 2009

Parkalgar-Honda em grande no Algarve !


A equipa algarvia da Parkalgar sagrou-se este fim-de-semana vice-campeã mundial na categoria de Supersport. Infelizmente, o título de pilotos fugiu ‘por uma unha negra’ para o nosso piloto Laverty.

Laverty, o piloto de 23 anos, da Irlanda do Norte, conseguiu acabar a corrida no primeiro posto e mostrando um andamento fora do vulgar e muito acima dos restantes pilotos, garantindo assim uma excelente posição para a equipa Parkalgar-Honda. Neste feito foi ajudado por Miguel Praia, uma vez que o piloto ‘algarvio’ terminou em décimo, das suas melhores posições nesta época.

À partida para a derradeira etapa da temporada, Laverty, que era segundo na classificação a 19 pontos do líder, o britânico Cal Crutchlow (Yamaha), mantinha acesa a luta pelo título mundial, mas não dependia apenas de si próprio, era necessário e aguardar que Crutchlow não se classificasse entre os 10 primeiros, o que não veio a acontecer. O britânico terminou em quarto e arrebatou o título de campeão do Mundo, com mais sete pontos do que Laverty.

O piloto da Parkalgar Honda, que conquistou a sua terceira vitória da época, após vencer em Losail, no Qatar, e Assen, na Holanda, completou as 20 voltas ao circuito em 35.17,044 minutos, impondo-se por 15,144 segundos a Crutcholw, que terminou em quarto, e por 3,443 segundos ao turco Kenan Sofuoglu (Honda), segundo classificado.

O título do mundial de pilotos foi, assim, entregue ao britânico Cal Crutcholw, com 243 pontos, seguido de Laverty, com 236, e de Kenan Sofluogu, com 189.

Com o contributo fundamental da Parkalgar Honda, o Mundial de construtores foi conquistado pela marca nipónica Honda, com 297 pontos, seguida da Yamaha, com 284, e da Kawasaki, com 186.

Classificação da corrida portuguesa:

1. Eugene Laverty, Irl (Honda) 35.17,044 minutos

2. Kenan Sofuoglu, Tur (Honda) a 3,443 segundos

3. Garry McCoy, Aus (Triumph) a 13,874

4. Cal Crutchlow, GB (Yamaha) a 15,144

5. Mark Aitchison, Aus (Honda) a 16,608

6. Michele Pirro, Ita (Yamaha) a 20,008

7. Chaz Davies, GB (Triumph) a 22,007

8. Fabiem Foret, Fra (Yamaha) a 22,034

9. Barry Veneman, Hol (Honda) a 23,031

10. Miguel Praia, Por (Honda) a 24,002



Classificação final do Mundial de pilotos:

1. Cal Crutchlow, GB 243 pontos

2. Eugene Laverty, Irl 236

3. Kenan Sofuoglu, Tur 189

4. Joan Lascorz, Esp 163

5. Fabien Foret, Fra 123

(...)

15. Miguel Praia, Por 40